Antes de mais, gostaria de desejar um Bom Ano a todos o que lêem este blog.

Aproveitei as festas para tirar umas férias do Sporting Clube de Portugal. Esta ausência termina hoje com a presente crónica.

No domingo passado, para não variar, fui a Alvalade… Perdemos contra o Porto. A dada altura parecia que estava no Dragão (acho que os jogadores do Porto por momentos pensaram que estavam a jogar em casa…) tal era a barulheira que os SD faziam contrastando com o silêncio das nossas claques.

O Silêncio era tão grande que eu conseguia ouvir o “manda-chuva” dos SD a dar ordens e a orientar os canticos… E eu estava na linha de meio-campo…

CLAQUES vs DIRECÇÃO!

Esta “guerra” entre as Claques e a Direcção é bem demonstrativa do quão diferente é o nosso Clube! Parece uma luta de galos!

Temos uma Direcção que por via de não conseguir manietar as vontades dos GOA do Sporting anula os protocolos que estabeleceu com eles. Digo-o sem medos e outra vez para ficar escrito: Frederico Varandas, na minha opinião, quis controlar as Claques para as transformar em armas de “arremesso” no Processo de Alcochete e como não conseguiu…

Com a complacência de muitos “consórcios” tem feito coisas altamente ilegais como por exemplo vedar o acesso a recintos do Clube a Sócios do mesmo sobre os quais não pende nenhum processo disciplinar ou qualquer pena de suspensão dos seus Direitos de Sócios, provisória ou permanente, pelo que só aqui já há motivo para Destituição por incumprimento estatutário e não só da Direcção… O CFD anda aonde? A dormir? O orgão gerido pelo o Juiz Conselheiro Baltazar Pinto é mais uma vez conivente com um atropelo reiterado dos estatutos e portanto, podem juntar mais esta ao já extenso rol de atropelos que lhe valeriam em qualquer outra Associação a Destituição com Justa Causa!

Imaginem… Um juiz conselheiro jubilado destituído por não cumprir a lei que está obrigado a cumprir e a fazer cumprir. Mais uma inovação by SCP dos consórcios!

Mas as Claques em causa também não estão isentas de culpa neste Processo! Desde 2018 que a Juve Leo se deixou enredar no jogo político que gira em torno do Clube, tendo-se deixado associar ao ataque de Alcochete!

Segundo o advogado de Bruno de Carvalho, dos 44 arguidos, somente 8 são da Juve Leo mas, para todos os efeitos e na mente de todos, a Juve foi a grande responsável pelo ataque a Alcochete.

Claro que ter um antigo Presidente presente na Academia e envolvido nos acontecimentos que antecederam o ataque não abona muito em seu favor e aquela cena de num piquenique qualquer virem solidarizar-se com a malta presa também não foi a melhor acção!

Depois deste ataque, já com o Varandas, viram os seus protocolos melhorados e as dívidas perdoadas… De repente esses mesmos protocolos foram terminados, por uma suposta agressão a dirigentes do Sporting, sendo que nessa altura já faziam parte do coro de protestos contra a Direcção do Varandas…

Meus amigos… AS CLAQUES NÃO PODEM ENTRAR NO CIRCO POLÍTICO SEJA LÁ PORQUE RAZÃO FOR! ÀS CLAQUES CABE-LHES O PAPEL DE APOIAR O CLUBE E MAIS NADA!

Já aos seus membros, que sejam cumulativamente sócios do Sporting, cabe-lhes o mesmo direito de se expressarem e votarem como bem entenderem, sem qualquer interferência da Claque a que pertencem ou represálias, por parte da Direção do Clube, por fazerem parte da Claque.

E já agora se quiserem podem juntar mais este pecado ao rol dos pecados e ilegalidades cometidos pela MAG e seu Presidente, Rogério “língua de prata” Alves.

É que RA é só o representante dos sócios e cabe-lhe a ele zelar pela defesa intransigente dos seus direitos… Mas o Rogério está mais preocupado com cenas…

Voltando às Claques. Uma Claque não pode, não deve (e nem sabe) ser uma força política sob pena de subverter o seu papel no seio da Família Sportinguista! E quando o papel das claques é subvertido assistimos ao triste espectáculo que temos vindo a assistir.

Malta das Claques oiçam bem o que vos digo… Grande parte dos Sócios e Consórcios não vai muito à bola convosco desde outros tempos e ainda vos ficou com um pó maior depois de Alcochete… A única forma de vocês conseguirem recuperar a vossa paz e voltarem a ter um papel relevante no apoio aos atletas do nosso Clube é perceberem que agora não são bem-vindos e como tal não apareçam nem em Alvalade, nem em lado nenhum!

Só vejo um caminho para que as Claques deixem de ser “comidas de cebolada” neste jogo onde se enfiaram e para que possam sair de forma mais airosa…

Vocês são essenciais para conferir emoção ao fenómeno desportivo. E são vocês que animam os nossos atletas onde quer que eles actuem.

Os Consórcios e alguns sócios precisam de perceber que se não forem vocês cada espectáculo desportivo parece um funeral ou um salão de festas da claque adversária!

E deixem bem claro a vossa posição! Façam um comunicado dizendo simplesmente que perceberam a mensagem e que oficialmente não estarão presentes em mais nenhum jogo do Sporting! Somente desta forma a malta vai entender… E o que acontecer nas bancadas, para o bom e para o mau, não será culpa vossa, já que oficialmente não estarão lá!

Neste momento são vocês o balão de oxigênio do Varandas! São vocês que o estão a segurar e está tudo à espera que um de vocês perca a cabeça e se dê um momento “Marinha Grande” que, a seguir a Alcochete, será a maior salvaguarda de que a TEAM VARANDAS não sai de lá tão cedo mesmo com resultados desportivos desastrosos…

E com o Varandas controla a CS é tão fácil enrolar-vos num cenário e pintar-vos de criminosos…

Dou-vos um exemplo… Quem mandou a tocha para o relvado? A JL! Até pode nem ter sido mas era isso que os Consórcios e alguns Sócios estavam a comentar.

E já agora, eu sei que vocês não gostam mas, quando vocês cantam contra o Varandas o coro de assobios com que são brindados são mais do que merecidos porque, como já disse atrás não vos compete a vocês fazer política!

Uma última recomendação final… Quando voltar o circo das eleições não caiam na tentação de andarem a receber este ou o outro candidato. Estes que façam sessões de esclarecimento e que os sócios compareçam para os ouvir. A não ser que queiram ser arma de arremesso eleitoral ou mercenários…

E lembrem-se que a vocês, oficialmente e enquanto grupo organizado, cabe-vos ser politicamente equidistantes, sob pena de desaparecerem de vez.

Depois de todo o trabalho que foi feito para acabar com as quesílias entre as várias claques do Sporting e uní-las na Curva Sul de forma a potenciar o apoio às nossas equipas, depois dos milhares de kms feitos apoiando as equipas onde quer que elas fossem jogar é muito injusta toda esta situação… Mas a vida é assim e por vezes temos de passar pela tormenta para chegarmos à bonanza.

Direcção vs Movimentos

Foram ontem entregues as assinaturas do Movimento “Dar Futuro ao Sporting” e o requerimento para a AG de destituição dos actuais orgãos sociais.

Aparentemente teremos de esperar 15 dias para saber se as assinaturas estão válidas e se a AG anda para a frente.

A minha opinião sobre este tema é conhecida. Não concordo com a Destituição da Direcção mas estou totalmente de acordo com a Destituição da MAG e CFD. Aliás deveriamos ter começado por aí.

Para estes dois orgãos há razões de sobra para serem destituidos e, desta forma, acabar-se-ia a protecção que os titulares destes orgão conferem, à Direcção actual.

Esperemos calmamente para vermos o que vai resultar desta entrega, sendo que Rogério Alves tem, no meu ponto de vista, um espaço muito diminuto de movimentação, não tendo outra alternativa senão aceitar o Requerimento e marcar a AG. A não ser que hajam erros formais na elaboração do requerimento ou alguma formalidade que não seja cumprida!

Ah e já agora, só para relembrar aos mais esquecidos, não cabe à MAG decidir sobre as razões que constituem as Justa Causa apresentadas pelos sócios. A MAG não é soberana e não pode sobrepor a sua vontade à dos Sócios!

Eu sei que por vontade de muitos Consórcios o Sporting deveria ter continuado com um Conselho Leonino que se sobrepusesse à vontade sufragadas em AG, mas não tem e como Rogério Alves não é o Rei Sol é bom que volte a agir dentro da legalidade e formalidade exigidas pelo cargo que ocupa e pela Profissão que tem.

Saudações Leoninas a Sócios, Consórcios e Adeptos.