É terça-feira outra vez… Dia da minha crónica…

Ando cada vez mais desinspirado para escrever sobre o Sporting. E não é por falta de assunto acreditem… Mesmo depois de ganharmos ao Braga em casa, voltámos a jogar uma merda mas já fizemos mais 19 minutos de qualidade (segundo o treinador), o nosso “Ruca” resolveu mandar mais um par de recados.

Mas não me apetecer discorrer sobre esses “recados” ou sobre as confusões táticas durante o jogo ou até mesmo sobre a contínua aposta no foguete do Ali (props pró Cintra) Diaby ou a falta de fio de jogo, organização defensiva, o sobre o tão prometido aproveitamento da Formação que afinal é para holandês ver, ou sobre os dias de pausa que existem entre jogos (como é que depois pode haver ligação se a malta não treina?) etc.

Nem para isso já tenho grande força. Estou saturado que não acertem uma… UMA! que seja, para não ser sempre tudo tão negativo!

Não quero falar de como abdicámos de atacar após termos marcado o primeiro golo e na segunda parte, termos abdicado de um avançado para jogarmos em 3 centrais… Defendemos o resultado! Tinhamos de sobreviver dizem eles!

Também não quero falar do novo sistema de portas que para além de ter feito crescer as filas para entrar, não resolveu o problema da porta 1, onde os sócios e adeptos do Sporting, têm de entrar duas horas antes do jogo ou arriscam-se a perder os primeiros minutos do mesmo, enquanto esperam que os adeptos da equipa adversária entrem…

E também não quero falar sobre o facto de terem acabado com os vendedores de bancada e agora os bares ficam super atolados ao intervalo, com imensas quebras de produtos!

Muito menos quero falar sobre a venda do Dost… 8 milhões, que podem chegar aos 20 com poupança de salários! LOL! É verdade, isto vinha num jornal desportivo… Ainda vou ver que poupámos um balurdio em salários porque não contratámos o Ronaldo ou o Messi!!!

Também não quero falar sobre a falta de ambição que caracteriza esta Direcção e esta equipa técnica! Ter ambição não é só falar que se é ambicioso e que daqui a uns anos, se acreditarmos neles, vamos vencer tudo! No desporto, não é preciso reinventar a roda! E esta já foi usada nos tempos do Godinho, com os resultados que se lhe conhecem…

Depois disto tudo, admiro-me como é que a malta ainda compra gb a preços astronómicos para ver jogadores como o Diaby, equipas técnicas como as do Keizer, com as condições que nos deram ontem e com este ambiente de funeral que se viveu ontem, que nem o timming do “O Mundo sabe que” conseguiram acertar!

Como é que há malta que ainda viaja 300, 600 e até mais kms para ver o seu clube acabar o jogo contra o Braga, encostado às cordas e a defender, mal, o parco resultado que conseguiu em duas jogadas de inspiração individual…

Como é que continuamos a intitularmo-nos de Clube Grande se cada vez estamos mais pequenos, mais mesquinhos e mais irrelevantes?

É terça-feira bem sei… Mas para mim, que acabo de escrever o texto negro acima é quase um dia de luto. Hoje nasce a minha descrença relativa a este ano. Apesar da vitória, sinto que não chegaremos ao Natal sequer… Mas sabem que mais, a malta está contente e é isso que é preciso. O resto que lixe.

O campeonato de 2020/2021 está cada vez mais próximo e pode ser que a ilusão dure pelo menos até Janeiro! Até lá é ver o verde de esperança transformar-se, uma vez mais, em negro de luto!