FOI DELIBERADO PELO CONSELHO FISCAL E DISCIPLINAR DO CLUBE QUE ABUSIVAMENTE SE AUTODENOMINA SPORTING CLUBE DE PORTUGAL, APLICAR AS SEGUINTES SANÇÕES:

– Bruno de Carvalho, expulsão.

– Alexandre Godinho, expulsão.

– Carlos Vieira, suspensão por nove meses.

– Luís Gestas, suspensão de seis meses.

– Rui Caeiro, repreensão registada.

– Luís Roque, arquivamento dos autos.

– José Quintela, arquivamento dos autos.

FOI DELIBERADO POR MIM EM CONSELHO DE FAMÍLIA E AMIGOS, APLICAR AS SEGUINTES SANÇÕES AO CLUBE FANTASMA QUE USURPOU O NOME DE SPORTING CLUBE DE PORTUGAL, PERANTE A PRÁTICA DE INFRACÇÕES DISCIPLINARES MUITO GRAVES PARA A IMAGEM, PARA O PATRIMÓNIO E PARA O PRÓPRIO CLUBE ENQUANTO INSTITUIÇÃO:

– Não comprar a game box.

– Não pagar quotas.

– Não ir ao Estádio de Alvalade.

– Não acompanhar os jogos nem as classificações nos campeonatos.

– Não torcer por este clube que usurpou o nome de Sporting Clube de Portugal.

– Ignorar a Sporting TV e o Jornal Sporting.

– Ignorar a existência deste clube e dos seus dirigentes.

Esta deliberação não admite recurso e só será revogada quando o SPORTING CLUBE DE PORTUGAL voltar a ser o Clube que era, livre de corruptos, ladrões e criminosos!

Artur Santos
Ex atleta do SCP e sócio desde 1966

1 de Março de 2019

Comentários do Facebook