Eis o lema da Candidatura do Dr. Frederico Varandas – Lista D – vencedora das eleições 2018 no Sporting CP.

Hoje escrevo-vos com um novo Presidente apossado, mas, que, é imperioso perceber o que mudou:

  1. Os Números & Percentagens
  2. As Mensagens
  3. A ConclusãoResultado.jpeg

1. Sobre os números & percentagens importa perceber algumas coisas:

22.400 – Sócios votaram neste sábado de 8 de Setembro de 2018

106.367 – Foram os votos apurados para este escrutínio

445 – Sócios (1,99%) votaram em Branco

2350 – Os votos em Branco destes 445 Sócios

88 – Sócios (0,39%) foram votos nulos

328 – São os votos (0,31%) desses 88 Sócios que votaram no nulo

9.735 – São os Sócios (43,46%) votantes na Lista AJoão Benedito – “RAÇA E FUTURO”.

39.187 – São os Votos (36,84) apurados para a Lista A

8.717 – São os Sócios (38,92%) votantes na Lista DFrederico Varandas – “UNIR O SPORTING

45.019 – São os Votos (42,32%) apurados para a Lista D

2. E quais foram as diversas mensagens que retiramos – mais óbvias ou mais discretas – deste longo dia?

  • Um recorde incrível (22.400) de Sócios votantes. – Qual será o Juiz que terá a coragem de anular estas eleições? Dizendo, claramente, que todos estes Sócios perderam o seu tempo numa eleição que, por ser impugnada, foi anulada por si! Claro que, se forem encontradas ilegalidades, não só pode como deve agir em conformidade!
  • O vencedor destas eleições – Dr. Frederico Varandas – não foi o candidato que teve mais Sócios (8.717) – perdendo para João Benedito que teve (9.735) – numa clara dupla mensagem: Cuidado que o João Benedito é um Presidente de “Raça e Futuro” pois tem os votantes mais novos e está “à perna” de Frederico Varandas. Presidente eleito: “Porte-se bem!”
  • O anúncio da tomada de posse aqui antecipada – em 24 horas – com uma estranha urgência. aqui.
  • O “menino abandonado”… Foi estranho ver, ao meio da tarde de sábado, dia de eleições, o candidato João Benedito sozinho no Algarve a ver a final da Supertaça em Futsal que o Sporting CP ganhou por um expressivo e recorde de 11-0 ao Fabril num jogo realizado em Loulé.
  • As declarações (contraditórias e premonitórias) de JMS durante o dia sobre o VOTO em Branco. Inicialmente havia essa possibilidade para os sócios, por fim, nas próximas eleições essa hipótese já seria contemplada…
  • A maior mensagem tentada foi a de estarmos num processo de fecho de ciclo de Bruno de Carvalho e a abertura de um novo ciclo chamado Frederico Varandas em que a solução imprescindível é UNIR O SPORTING.

3. A Conclusão

a) – 8 de Setembro de 2018 marca, definitivamente, a história destes 112 anos de Sporting Clube de Portugal. Muitos não entenderam ainda o seu significado. Não fechou um ciclo, nem abriu outro.

b) – Alguns números – todos rectificados posteriormente – assumem uma menor dimensão e destaco os votos nulos e em branco.

c) – Acredito na Justiça e considero que esta via ainda não está fechada e devidamente esclarecida. Só depois é possível Unir o Sporting!

d) – O Presidente eleito é controlado e a curto prazo pode ser substituído por Benedito – eleitorado mais jovem e em maior quantidade.

e) – A antecipação da tomada de posse em 24 horas e para um domingo revela alguma urgência na conclusão do processo e quer produzir efeito.

f) – Que mensagem quis João Benedito passar ao estar em Loulé sozinho em dia de eleições?

g) – Para muitos que acompanharam as eleições devem ter estranhado ou criado alguma confusão por causa das declarações de Jaime Marta Soares sobre os votos em branco e os nulos. Não sei se foi alguma premonição de que em breve outras eleições irão acontecer ou se foi um desfalecimento intelectual que originou algum conflito de consciência, mas que não foi lógico, não foi…

h) – E creio, como o disse em momento muito antecipado e a quem o deveria ouvir, todo este enorme projecto fechará o ciclo no fim da presente época para sagrar o Sporting CP como o campeão de futebol profissional masculino.

Todos sabemos que é o futebol que manda na sociedade e não é a sociedade que manda no futebol e que um golo faz a alegria do momento ou que um título tão ambicionado apaga as memórias, traduz as liberdades e refaz a democracia a contento.

Esperemos então para vermos se tudo foi normal ou não, embora tenha uma tese sobre tudo isto em que vivemos nos últimos meses na vida do Sporting, sempre espero por esse tão ambicionado título no futebol pois é o único com o condão de UNIR O SPORTING e certificar a minha tese!

Só depois o ciclo estará fechado.